top of page

Plantas que brilham

Sem dar um passo adiante no estilo que o consagrou, coletivo teamLab ocupa o jardim botânico de Osaka com exposição noturna


Ovóides que respondem à presença dos visitantes e às intempéries. (foto: Meg Yamagute)

Quem acompanha a Tokyo Aijo já conhece o teamLab, o coletivo internacional conhecido por sua arte digital. A sua mais nova empreitada, o teamLab Botanical Garden, tem como proposta transformar a natureza em arte através do uso da tecnologia. A nova exposição utiliza os 240 mil metros quadrados do Jardim Botânico Nagai, que fica em Osaka, e suas mais de 1.200 espécies de plantas como cenário para o projeto de arte Digitized Nature (Natureza Digitalizada). Estão lá os jogos de projeção de luz e as interações que tornaram inconfundível — e imbatível, em sucesso de público — o modo teamLab de criar ambientes e exposições.


Jardim botânico de dia, o espaço se transforma a partir das 7 e meia da noite, quando é possível explorar a área através de uma rota definida em meio a eucaliptos e camélias, passando por flores de lótus e ciprestes, sentindo o aroma das flores, a umidade do gramado entre tantas outras sensações provocadas pela natureza. A ideia é oferecer um espaço onde a natureza e a tecnologia nos lembram de aproveitar cada minuto da vida, já que tudo muda constantemente.


A maioria das 13 obras em exibição são instalações digitais interativas, isto é, peças que reagem ao toque das pessoas e aos fenômenos da natureza, como o vento e a chuva. As obras se modificam a cada instante, o que nos faz ainda mais conscientes da presença do outro, das sutis mudanças da natureza e de como estamos todos conectados. Aliás, pensando nisso, é possível dizer que cada visita à exposição será única.



Aliás, essa sensação de sazonalidade fica bem clara no espaço Life is Flickering Light Floating in the Dark - Sunflowers (A Vida Cintilando Luzes Flutuando na Escuridão - Girassóis) totalmente dedicado à flor da estação. Quem é fã de girassóis precisa ser ligeiro porque a expectativa é de que as flores estejam abertas somente até o próximo dia 5.


Acompanho o trabalho do teamLab desde 2016, quando visitei a exposição temporária DMM Planets. Esperei uma hora numa fila que parecia interminável, num dia de verão com sensação térmica de 36ºC, para ser recebida por uma piscina de carpas coloridas flutuantes que se dissolviam com os nossos movimentos. Essa foi a minha experiência mais inesquecível com eles. Desde então, foram muitas outras visitas, como o teamLab Borderless em Tóquio. Por isso, a visita desta semana deixou um gostinho de mais do mesmo. Mas se você ainda não sofreu uma overdose de teamLab, provavelmente irá se encantar.


Universe of Fire Particles in the Forest - Secondary Forest, uma das obras da exposição (foto: Meg Yamagute)


SERVIÇO

teamLab Botanical Garden Osaka

exposição permanente do grupo de arte digital teamLab

Jardim Botânico de Nagai

Osaka-fu Osaka-shi Higashisumiyoshi-ku Nagaikoen 1-23 [mapa]

terça a domingo, das 19:30 às 22 horas, com entrada permitida até as 21 horas

(O horário pode mudar de acordo com a estação do ano.)

¥1600 (adultos), ¥500 (6 aos 15 anos), ¥800 (pessoas com deficiência)

vendas pelo site oficial, pelo Lawson Tickets e pelo 7Ticket


 

Neta de japoneses, Meg Yamagute vem descobrindo, desde que chegou ao Japão em 2006, o sentido de muitas tradições adotadas por sua família. Como guia de turismo, compartilha suas descobertas em tours incríveis.




81 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page